2 de agosto de 2013

Relato sobre a Jornada Mundial da Juventude 2013


"Ide e Fazei discípulos entre todas as nações" (MT 28,19). A convocação de Cristo foi o lema escolhido pelo Papa Bento XVI para a XXVIII Jornada Mundial da Juventude.
A JMJ se realizou entre os dias 23 e 28 de julho de 2013 e chegou a reunir 3,5 milhões de jovens do mundo inteiro, e entre eles a juventude de Rosário do Ivaí, através do grupo UFC (Unidos pela Força de Cristo), marcou presença com 17 participantes.
Segundo os depoimentos dos jovens, a experiência foi única e marcante, pois estar na presença do Papa Francisco é algo inexplicável. É sentir a presença de um homem enviado por Deus para nos trazer a palavra, a paz e o conforto de sentir que nossa Igreja é viva e a juventude deve ser o futuro e renovação desta Igreja.
A JMJ foi um evento de entrega, de doação de espiritualidade para com DEUS. Isso se torna notável ao perceber a emoção das pessoas, dos jovens diante de nosso enviado Francisco, ao procurar pequenos espaços entre a multidão para vê-lo, para tentar tocá-lo. A Jornada não teve só emoções, mas também grandes lições e aprendizados. Um bom exemplo foi a acolhida que nossos jovens participantes tiveram em lares cariocas, sendo muito bem hospedados em vários lares da comunidade de Anchieta, fazendo amigos e deixando saudades.
As programações diárias da JMJ estavam sempre lotadas de jovens. Nos períodos da manhã aconteciam catequeses com Bispos e jovens de todo o Brasil. À tarde os jovens peregrinos participavam da Feira Vocacional no Bairro Quinta da Boa Vista, onde stands de todo o mundo traziam um pouco de suas culturas religiosas para compartilhar.
Para finalizar os eventos diários, no período da noite, nas areias de Copacabana, aconteciam os grandes encontros com o Papa Francisco, sempre cercados de muita fé, esperança e espiritualidade. Nestas ocasiões o Papa Francisco reafirmou o compromisso que a juventude deve ter com a Igreja, para que seja sempre uma igreja jovem e renovadora. Temos certeza que nossos jovens, os jovens do Brasil e do mundo estão vivos nesta luta e compromissados. É preciso abrir as "portas" da Igreja para esta juventude promissora.
Nenhum incidente grave foi registrado nos dias de jornada. A cidade do Rio de Janeiro estava mesmo muito lotada: filas de horas em restaurantes, metrôs e até mesmo banheiros eram inevitáveis. Mesmo assim não se via ninguém reclamando e se possível viveríamos tudo novamente, pois cada passo dessa peregrinação valeu a pena e nos orgulha muito ver nossa paróquia sendo bem representada.

Texto por Robson Jean (Pastoral da Juventude e PASCOM)

Confira esta série de FOTOS com os momentos especiais vividos por nossos jovens paroquianos:
































QUER VER MAIS FOTOS DA JORNADA?


2 comentários:

Comente! Dê vida a esse blog!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comente com o FACEBOOK